3 de julho de 2014

ABRE UM SENTIMENTO E FECHA UM SOFRIMENTO


Todos já amaram alguém na vida
Beijos alucinados em lugares escondidos
Futuro descoberto pela mão lida
Uns amassos nunca devem ser perdidos

O amor me deixas feliz quando sou todo seu
Seu corpo quente me esquenta no frio
A cigana disse quando minha mão leu
Que nosso futuro seria perto de um rio

Não acredito que o amor é cego
Nossos olhos nunca se olharam
Preciso senti-la e ter todo o seu chamego
Mas nossos corações se apaixonaram

Lua no céu e você do meu lado
As estrelas brilham nesse imenso mar
Com o violão faço uma serenata todo apaixonado
Não quero ficar um tempo sem te amar

Quando se apaixonamos abrimos um sentimento
Ficamos felizes por termos alguém para beijarmos
Acabando de vez e então fechamos um sofrimento
Que não queremos mais pensar no que passamos

Arthur Claro

Essa poesia foi criada à partir do que eu achava o  que era amor, acredito que para abrir um sentimento é necessário fechar um sofrimento.

2 comentários:

  1. Você falou muito bem quando diz:
    "Acredito que para abrir um sentimento é necessário fechar um sofrimento."
    Isso evita muitas dores amigo poeta!
    Linda poesia!!!
    Bjus

    http://simplesmentelilly.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir