9 de fevereiro de 2017

MULHER FELIZ APAIXONADA PELO ANJO CAÍDO


Na noite que parecia ficar igual à passada
Surgiu um Anjo Caído na minha janela
Eu Mulher Feliz pensei que nunca seria amada
Mas o doce Anjo Caído me chamou de bela
Adorei ouvir de sua suave boca essa cantada
Ele tinha vindo do nada e adora um jantar à luz de vela
Quando nossos lábios se uniram não queria separar
Depois desse longo ósculo vamos pra cama se amar

Eu Mulher Feliz quero namorar o Anjo Caído com toda certeza
Meu coração dispara quando penso nessa graça divina
Adoro ouvi-lo dizer que sou uma alteza
De vez enquanto espero por ele usando somente uma calcinha fina
Tenho convicção que ele não me deixe cair na profunda tristeza
Um belo dia de verão ele chegou sorrateiro atrás de mim na piscina
Beijamo-nos loucamente e fizemos um maravilhoso amor
Ele me abraçou e disse no meu ouvido “comigo você não precisa ter temor”

Agora eu Mulher Feliz estava protegida pelo meu querido
Passamos o dia de verão se amando como se fosse à última vez
Na noite seguinte ele me aparece com o peito ferido
Meu Anjo Caído estava numa grandiosa lividez
Se não fosse minhas lágrimas caindo no seu corpo ele já tinha morrido
Ele sempre me dizia que adorava ver minha bela tez
Depois de tudo estamos juntos sem nenhuma intervenção
Mulher Feliz apaixonada pelo Anjo Caído com felicidade no coração


Arthur Claro

Essa poesia foi criada com o pensamento de uma mulher, porém fiz como se fosse uma menina se declarando pra mim, muita loucura (sem drogas e bebidas etílicas) na cabeça, mas o resultado é este. A imagem é meramente ilustrativa, eu peguei do Google e tem um detalhe, eu disse que foi direcionada pra mim porém da para descobrir o nome da Mulher Feliz na poesia.

4 comentários:

  1. Poesia muito boa. Bela história. Qual é o nome da mulher? Fiquei curioso.

    http://simplesmentelilly.blogspot.com.br/2015/07/hoje-nao-tem-sem-mascaras-e-com-pouca.html?m=1

    ResponderExcluir
  2. Olá Arthur, acho ousado e corajoso um escritor se entregar a um personagem feminino, sem pudores, sem caricaturas, gosto muito disso, Chico Buarque pé mestre em compor sendo a mulher, sem mencionar a s mulheres dos livros de escritores masculinos. Parabéns Arthur, aqui é sempre uma surpresa, gosto disso.
    ps. Carinho respeito e abraço.

    ResponderExcluir
  3. Escrever com o sexo trocado é mais difícil.
    Mas resultou neste poema, já que é magnífico.
    Continuação de boa semana, caro amigo Arthur.
    Abraço.

    ResponderExcluir