29 de maio de 2015

OS AMORES DA MINHA PUTA VIRGEM - 3 DE JANEIRO DE UM ANO QUALQUER


Já que a noite anterior foi lucrativa, ela acorda cedo, toma um banho e toma um café bem simples, pois queria ver se conseguia mais clientes para hoje e quem sabe já agendar alguns para os outros dias, Jeremias e Karolina continuam se namorando escondido, parecendo duas crianças. Ela chega na praça e já atrai o olhar de todos os homens presentes, desde de velhos até rapazes, ela é linda, algumas mulheres tem inveja dela, mas outras até ficam curiosas com as habilidades dela, ela não usa roupas vulgares, mas mesmo assim já todos sabem da sua profissão, ela caminhava a esmo quando de repente chega Gael perto dela, ela já entende e marca com ele para as 18 horas, logo depois Welligton se aproxima e diz que quer ser o último do dia e o primeiro do dia seguinte, Leocácio nem esperou Welligton sair e já foi chegando dizendo que seria o próximo, Claudio também, foi assim fecharam o resto do mês, ela ficou contente, pois viu que o seu ano começou bem.
Jeremias e Karolina estavam na sorveteria quando de repente ele vê a nossa personagem caminhando pela praça, ele então decide ir até ela e puxar papo. Ela estava distraída que nem percebeu que era Jeremias que falava com ela, ela somente disse, para ele a encontrar com ela hoje às 22 horas na casa dela, ele mesmo se entender o motivo da hora, fixou na mente a hora e recordou o trajeto até a casa dela. As horas se passaram e a nossa personagem já estava no seu quinto cliente do dia, enquanto Jeremias tomava um banho ficando perfumado para se encontrar com a nossa personagem, ao sair do banho passou por Karolina que o interrompeu e começou a questioná-lo aonde iria a essas horas da noite, ele não gosta de mentir, mas disse que só ia na casa de uma conhecida conversar sobre as possíveis jóias que ela iria comprar, a Karolina fingiu acreditar, mas não o impediu para não levantar suspeitas dos tios. Chegou finalmente as 22 horas da noite, ele já esta na porta da casa da nossa personagem, ele bate e ela o atende com uma toalha enrolada no corpo, ele assusta porém não fica com medo, ela chama para entrar e ela pede licença para ela se trocar, pois tinha acabado de sair do banho, ele se senta no sofá na sala, ela corre para o quarto e fica um pouco preocupada pois achava que era um cliente e não Jeremias, mas ela então se veste rapidinho e volta para sala, ele então começa a falar que andou pensando nela esses dias atrás, porém não teve tempo de procurá-la, pois a sua prima tinha vindo para a cidade e ai ele decidiu matar a saudades da prima, ela entendeu e disse que também tinha pensado nele e só não procurou por ele, pois ela não sabia aonde era a casa dos pais dele, os dois ficaram conversando até por volta das 23 horas, foi quando ele decidiu ir embora, pois ele não queria incomodar, então ela disse que eles poderiam se encontrar no dia seguinte a tarde na praça perto da sorveteria, ele então deu um beijo na bochecha, só que no momento do beijo ela virou o rosto, fazendo que ele a beijasse no cantinho da boca, os dois riram e se despediram dizendo até amanhã. Meia hora depois desse encontro chega o galanteador Welligton, ela então diz para ele entrar e ai que começa a sessão de sexo oral do último cliente do dia, ela sabe se ela fizer ele gozar depois da meia noite, ele irá pagar mais do que é o combinado.

Quase a nossa personagem é descoberta por Jeremias, ainda não é o momento dele saber da vida financeira dela, ela ainda tem muito tempo para dizer para ele.

6 comentários:

  1. Uaal... tô ficando viciada nesse conto rsrs

    Gostei do encontro deles.
    Tô imaginando qual será a reação dele, quando descobrir que metade da cidade já passou pela boca dela kkkk

    Muito bom esse conto, está se saindo muito bem... A admiração só aumenta :)

    Ansiosa demais pela continuação. BJS :* :* AC

    ResponderExcluir
  2. Hummmmmm
    Esse conto está ficando cada vez mais interessante!!!...
    O que fará Jeremias ao descobrir a "profissão" da puta virgem???!!!
    Estou curiosa!!!
    Bjus Arthur

    http://simplesmentelilly.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Conto muito forte,amigo!!!!
    A vida é muito forte mesmo, nada contra!!!!!hahahahahaha
    Curiosa pela continuação!!!!
    http://www.elianedelacerda.com

    ResponderExcluir
  4. Muito bem narrado...parabéns Arthur!

    ResponderExcluir
  5. Logo eu
    voltarei para
    ler com calma.
    Bjins
    CatiahoAlc.

    ResponderExcluir
  6. Olá Querido Arthur Claro... Passando por aqui para retribuir as palavras e também para conhecer seu cantinho... ;)))... Parabéns pela narrativa... Voltarei mais vezes... Beijokas sedutoras em ti... Madame K...

    ResponderExcluir