16 de outubro de 2014

COISAS DE AEDO


Escrevendo poesias para a sua distração nas horas vagas
Um livro senil de poesias com certeza pode ter pragas
Palavras rimando com outras em uma seqüência
Alguns poetas escrevem com rimas perfeitas
Outros já escrevem sem rimas e são aceitas
A poesia para ser feita tem que ter paciência

Poesias românticas, poesias de morte e até poesias para protestar
Um poeta não para um minuto de pensar
Motes diversos para compor suas criações
Noites e dias passam e o poeta cria uma nova
Alguns poetas já estão deitados na cova
Uma perfeita poesia é aquela que tiramos várias conclusões

Musas inspiradoras reais e criadas de úberes mentes
As poesias são como flores começam como sementes
Aos poucos vão aparecendo as palavras fantásticas
Oh adorável leitor que poesia te agrada
Será aquela que o poeta escreveu para sua amada
Ou aquela que esta cheia de características

Temporal de palavras que saem com vontade de ser expressa
Tenha calma para escrever e o pior defeito e ter pressa
Acontecimento no seu cotidiano é bom para se colocar no papel
Um fato fictício também ajuda parecer real nesse mundo
Falar bem sobre todas as pessoas e até do vagabundo
Só cuidado para não ser taxado de pastel

Arthur Claro

Essa poesia foi criada explicando como crio as minhas poesias e como me inspiro para escrever, mas sempre uso o fator de improviso.

4 comentários:

  1. Realmente a poesia tem que ter paciência para ser bem feita, e essa ficou ótima, queria eu ter esse dom, rsr

    Beijos
    Fanpage | Instagram
    www.conversandocomalua.com

    ResponderExcluir
  2. Muito bom! É exatamente assim que me sinto quando crio uma poesia...é tão pessoal e ao mesmo tempo coletivo.
    Beijos,
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
  3. Amigo poeta,
    gostei muito de seu post de hoje!
    Poesia é sempre poesia, não importa como é escrita, mas o que importa é a mensagem que nos passa!
    Bjus e uma quinta-feira iluminada para vc,Arthur!
    http://www.elianedelacerda.com

    ResponderExcluir
  4. Mente fervilhante essa a dos poetas...
    Mais uma ótima poesia, como sempre por aqui aedo amigo!
    Bjus

    http://simplesmentelilly.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir